Casos de Sucesso – Ecoelce

30 de outubro de 2009


ecoelce

O ECOELCE – programa de troca de resíduos recicláveis por descontos na conta de energia da Coelce – foi um dos projetos iniciados pela Coelce com apoio da KNBS no âmbito de P&D da ANEEL.

Desafio e objetivos:

Aprovar um projeto de P&D da COELCE junto à ANEEL com o objetivo de conscientizar a população a realizar a coleta seletiva domiciliar, levando a criação de um senso de responsabilidade ambiental. Em contrapartida, a população tem a oportunidade de até mesmo liquidar sua conta de energia com o uso dos bônus em energia obtidos pela coleta de resíduos recicláveis.

A Solução:

A partir de uma pesquisa de campo firmou-se uma parceria entre a UNIFOR -Universidade de Fortaleza – e a KNBS para a criação do modelo da solução. Além de refinar o processo a ser executado nas trocas a KNBS desenvolveu a ferramenta computacional CreSen -Sistema de Controle e Gestão de Crédito Social pela Energia – através da qual são processadas as transações de crédito (bônus) dos consumidores, como incentivo ao processo produtivo de coleta seletiva de lixo. Também são processadas as transações de débito relativo ao pagamento da energia consumida a partir destes créditos (bônus) obtidos. As transações são processadas de forma automática em uma central de processamento, a partir dos dados gerados online ou offline nos sistemas de coleta. A partir do CreSen são também alimentadas as bases de dados de faturamento da concessionária e permitidos os atendimentos ao cliente, ao gerente e ao auditor do programa.

Os resultados:

A inovação obtida com a implantação do Programa ECOELCE não se limitou à definição de um processo e à implantação de um sistema. O Programa introduziu uma modificação cultural positiva para a população, podendo-se observar uma melhora ambiental nos espaços urbanos de sua atuação, mais limpos e livres da contaminação por resíduos, que agora têm valor de mercado e podem apoiar o orçamento doméstico contribuindo para o pagamento da conta de energia.A promoção da saúde pública é um resultado paralelo, evitando-se a proliferação de insetos e animais nocivos nos espaços antes ocupados por resíduos nas casas e na comunidade.

Até final de setembro de 2008 foram contabilizados mais de R$ 490 mil em créditos aos clientes e arrecadadas mais de 3300 toneladas de resíduos. Com esses três milhões de quilogramas de resíduos arrecadados o ECOELCE gerou benefícios ao meio ambiente que podem ser percebidos por meio de 1,3 mil toneladas de papel recolhido, evitando o corte de 52 mil árvores, economizando 130 milhões de litros de água e mais de 6,5 milhões de kWh de energia. Já com os 815 mil quilogramas de metal, evitou-se a extração de 929 mil quilogramas de minério de ferro e o consumo de mais de 14,3 milhões de kWh de energia para a produção do ferro. Com os 542 mil quilogramas de plástico recolhido evitou-se o consumo de mais de 5,42 mil litros de petróleo e com os 384 mil quilogramas de vidro, evitou-se a extração de 499 mil quilogramas de areia.

Outro importante resultado a se destacar foi redução da inadimplência. Foi constatado que mais de 57% dos clientes inadimplentes participantes do Programa conseguiram alguma redução na dívida com a Coelce. Este fato destaca mais um dos benefícios proporcionados pelo ECOELCE: além de contribuir para o meio ambiente, possibilita uma nova forma de geração de renda para os clientes, tornando-os adimplentes.

Pesquisas de satisfação em andamento nos locais de atendimento do programa comprovam o respeito ampliado pela marca e a satisfação comprovada da população por participar desta mudança em seu ambiente.

Veja também algumas matérias em mídia nacional e internacional sobre o Programa

Mídia Nacional:

Mídia Internacional

Matéria no Jornal Nacional